[QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Compartilhe
    avatar
    Santiago Oliveira

    Mensagens : 417
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Santiago Oliveira em Qua 20 Jan 2016, 18:47

    Lembro de um concurso que teve, se não me engano era para algo administrativo da rodoviária de Pelotas/RS onde eu morava, uma galera pagou a taxa de inscrição, cursinho, estudaram e o concurso não saiu lol
    avatar
    Rodrigo Reges

    Mensagens : 677
    Data de inscrição : 01/07/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Rodrigo Reges em Qua 20 Jan 2016, 21:37

    Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    avatar
    coelho

    Mensagens : 961
    Data de inscrição : 04/07/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por coelho em Qua 20 Jan 2016, 23:07

    Boa sorte, Marcus.
    Tô pra formar em ENG MEC e tô com cu trancado. A petrobrás deu calote no Brasil todo depois da lava jato, empresas do ramo estão tremendo nas bases e muita gente perdeu emprego. Não sei como farei para pegar um trampo decente, a sorte é que ainda posso me candidatar a vagas de trainee e estágio, que ainda são ambundantes (mas infelizmente vc é pago para ser office boy, praticamente).

    Vamos ver o que rola, não estou otimista com esse governo ainda no comando.
    avatar
    Santiago Oliveira

    Mensagens : 417
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Santiago Oliveira em Qua 20 Jan 2016, 23:08

    Rodrigo Reges escreveu:Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    Por questões familiares nunca foi viável deixar o país de vez mas fiquei aqui imaginando como seria pegar uma dessas vagas de Engenheiro do Petróleo no Canadá... 

    Crying or Very sad Crying or Very sad Crying or Very sad Crying or Very sad
    avatar
    shavasko

    Mensagens : 1297
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 32
    Localização : Ilha Solteira SP

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por shavasko em Qui 21 Jan 2016, 01:03

    gente. não se preocupem.
    deixem a crise fluir, deixem a crise chegar num ponto que nada mais fique sustentável.

    saúde pública, segurança, previdência, educação, serviços gerais, etc. tudo vai se arruinar, os funcionários públicos não vão ver a cor do dinheiro

    a nação vai descobrir POR MAL que fez a escolha errada!

    Eu ME NEGO A SER UM LIXO de funcionário público.

    Se minha mãe (que é funcionária pública) se der mal, já é pq a horda dos reboldes começa a sucumbir, e o ABENÇOADO CAOS vai se instaurar, e com o exército quebrado, iremos ao fundo do poço para RENASCER e perceber que o ESTADO NUNCA FOI NECESSÁRIO.

    veremos quantas consequencias são necessárias para o povo se rebelar

    preparem-se para ver POLITICOS SENDO desumanizados como são Nazista pós-guerra. Assim como tantos foram desumanizados por motivos banais e injustos, a humanidade também se rebelou contra os donos do mundo, que não vão vencer, que não vão nos escravizar.

    TOMAREMOS a liberdade a força quando esse dia chegar, e se eu tiver oportunidade, ficarei honrado em contribuir com a revolta, seja com as mãos ou seja com a mente
    avatar
    Cat Sensei

    Mensagens : 1660
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Cat Sensei em Qui 21 Jan 2016, 11:28

    Rodrigo Reges escreveu:Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    Meu sonho também é ir morar ou no Canadá ou nos EUA...eu e um amigo, estamos cada vez mais interessados nisso. Aqui no BR nada funciona como deveria, tudo é caro! Nosso hobby (que nos EUA ou no Canadá qualquer pessoa tem acesso mesmo trabalhando em empregos SIMPLES) está cada vez mais caro. Carro aqui é um ABSURDO (Fox custando quase 50 mil reais, não que seja um carro ruim, mais tá caro demais para o que oferece), apartamento que mais parece uma caixa de fosforo custando 180 mil reais...fora o pensamento da população daqui de "levar vantagem a todo o custo". Eu acho que se eu for para EUA ou Canadá só volto aqui para visitar meus pais...
    avatar
    J.Araujo

    Mensagens : 69
    Data de inscrição : 04/10/2014
    Idade : 32

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por J.Araujo em Sab 23 Jan 2016, 22:32

    shavasko escreveu:gente. não se preocupem.
    deixem a crise fluir, deixem a crise chegar num ponto que nada mais fique sustentável.

    saúde pública, segurança, previdência, educação, serviços gerais, etc. tudo vai se arruinar, os funcionários públicos não vão ver a cor do dinheiro

    a nação vai descobrir POR MAL que fez a escolha errada!

    Eu ME NEGO A SER UM LIXO de funcionário público.

    Se minha mãe (que é funcionária pública) se der mal, já é pq a horda dos reboldes começa a sucumbir, e o ABENÇOADO CAOS vai se instaurar, e com o exército quebrado, iremos ao fundo do poço para RENASCER e perceber que o ESTADO NUNCA FOI NECESSÁRIO.

    veremos quantas consequencias são necessárias para o povo se rebelar

    preparem-se para ver POLITICOS SENDO desumanizados como são Nazista pós-guerra. Assim como tantos foram desumanizados por motivos banais e injustos, a humanidade também se rebelou contra os donos do mundo, que não vão vencer, que não vão nos escravizar.

    TOMAREMOS a liberdade a força quando esse dia chegar, e se eu tiver oportunidade, ficarei honrado em contribuir com a revolta, seja com as mãos ou seja com a mente
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu até me simpatizei com sua situação xará, mas tu é patético. SE FODE AÍ, PQ TU MERECE!!
    avatar
    shavasko

    Mensagens : 1297
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 32
    Localização : Ilha Solteira SP

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por shavasko em Dom 24 Jan 2016, 21:25

    J.Araujo escreveu:
    shavasko escreveu:gente. não se preocupem.
    deixem a crise fluir, deixem a crise chegar num ponto que nada mais fique sustentável.

    saúde pública, segurança, previdência, educação, serviços gerais, etc. tudo vai se arruinar, os funcionários públicos não vão ver a cor do dinheiro

    a nação vai descobrir POR MAL que fez a escolha errada!

    Eu ME NEGO A SER UM LIXO de funcionário público.

    Se minha mãe (que é funcionária pública) se der mal, já é pq a horda dos reboldes começa a sucumbir, e o ABENÇOADO CAOS vai se instaurar, e com o exército quebrado, iremos ao fundo do poço para RENASCER e perceber que o ESTADO NUNCA FOI NECESSÁRIO.

    veremos quantas consequencias são necessárias para o povo se rebelar

    preparem-se para ver POLITICOS SENDO desumanizados como são Nazista pós-guerra. Assim como tantos foram desumanizados por motivos banais e injustos, a humanidade também se rebelou contra os donos do mundo, que não vão vencer, que não vão nos escravizar.

    TOMAREMOS a liberdade a força quando esse dia chegar, e se eu tiver oportunidade, ficarei honrado em contribuir com a revolta, seja com as mãos ou seja com a mente
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu até me simpatizei com sua situação xará, mas tu é patético. SE FODE AÍ, PQ TU MERECE!!

    calma meu fio, é zueirinha

    porra, eu escrevi um puta texto, mal mencionei sobre política.

    falei o tempo todo sobre se questionar e objetivos e o quanto somos alienados em formar numa universidade e o quanto isso não vale nada 

    nego puxou política pro meio da discussão. então fiz um discurso extremista pra ficar meio wtf
    avatar
    Jeremias

    Mensagens : 4563
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 26

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Jeremias em Seg 25 Jan 2016, 00:15

    Po, Nazistas também não né... eu também não gosto de Nazista, mas dai é pegar pesado demais com eles.

    Veja bem, os Nazistas tiraram a Alemanha da lama meados dos anos 30, antes de resolverem serem pau no cu com o resto do mundo (e merecidamente tomarem no rabo), foi uma das maiores e mais rápidas recuperações economicas e sociais de qualquer país, foi essa recuperação milagrosa toda que deu tanto poder a um cara que não devia.

    O que a esquerda do Brasil fez pro país? A "igualdade" que eles pregam é a igualdade onde todos vivem na mesma miséria, exceto os companheiros vermelhos. Nenhum interesse no bem do povo Brasileiro sequer, nada, zero, só interesse pessoal e um povo controlável e sem educação, tiram educação e colocam lixos como estudos sociais (teoria crítica marxista) e relatividade moral (apologia a criminoso) no lugar.

    E que fique bem claro que a "direita" Brasileira não é santa também, PSDB ainda é da minha esquerda, de onde eu vejo as coisas.

    Enfim, tamo fodido, bora sobreviver e tentar manter o nosso amado hobby e outros confortos pra distrair durante a viagem ao fundo do poço.


    _________________
    Movi os top 10 pra cá: http://pastebin.com/raw/r9NSSXXr
    Tem Mario Maker? http://pastebin.com/raw/MgfZJ3FF
    avatar
    Wellington Kaiser

    Mensagens : 996
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 30

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Wellington Kaiser em Seg 25 Jan 2016, 10:49

    Cat Sensei escreveu:
    Rodrigo Reges escreveu:Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    Meu sonho também é ir morar ou no Canadá ou nos EUA...eu e um amigo, estamos cada vez mais interessados nisso. Aqui no BR nada funciona como deveria, tudo é caro! Nosso hobby (que nos EUA ou no Canadá qualquer pessoa tem acesso mesmo trabalhando em empregos SIMPLES) está cada vez mais caro. Carro aqui é um ABSURDO (Fox custando quase 50 mil reais, não que seja um carro ruim, mais tá caro demais para o que oferece), apartamento que mais parece uma caixa de fosforo custando 180 mil reais...fora o pensamento da população daqui de "levar vantagem a todo o custo". Eu acho que se eu for para EUA ou Canadá só volto aqui para visitar meus pais...
    Se eu achar uma caixa de fósforo aqui por 180 eu compro na hora. Não to achando por menos de 210, e olha que já caiu muito em relação a 2013/2014.
    avatar
    Cat Sensei

    Mensagens : 1660
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Cat Sensei em Seg 25 Jan 2016, 13:10

    Wellington Kaiser escreveu:
    Cat Sensei escreveu:
    Rodrigo Reges escreveu:Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    Meu sonho também é ir morar ou no Canadá ou nos EUA...eu e um amigo, estamos cada vez mais interessados nisso. Aqui no BR nada funciona como deveria, tudo é caro! Nosso hobby (que nos EUA ou no Canadá qualquer pessoa tem acesso mesmo trabalhando em empregos SIMPLES) está cada vez mais caro. Carro aqui é um ABSURDO (Fox custando quase 50 mil reais, não que seja um carro ruim, mais tá caro demais para o que oferece), apartamento que mais parece uma caixa de fosforo custando 180 mil reais...fora o pensamento da população daqui de "levar vantagem a todo o custo". Eu acho que se eu for para EUA ou Canadá só volto aqui para visitar meus pais...
    Se eu achar uma caixa de fósforo aqui por 180 eu compro na hora. Não to achando por menos de 210, e olha que já caiu muito em relação a 2013/2014.
    Pois é...ai vc olha o tamanho do apartamento e chora...sério todos que vi nessa faixa de preço são pequenos d+++.
    avatar
    coelho

    Mensagens : 961
    Data de inscrição : 04/07/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por coelho em Seg 25 Jan 2016, 13:27

    A bolha explodiu.
    Minha mãe olhou uma casa até boa aqui na cidadezinha de 200 mil habitantes que ela mora. O proprietário cobrou MEIO MILHÃO DE REAIS, tudo ficou fora de proporção aqui.
    avatar
    Wellington Kaiser

    Mensagens : 996
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 30

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Wellington Kaiser em Seg 25 Jan 2016, 13:30

    Cat Sensei escreveu:
    Wellington Kaiser escreveu:
    Cat Sensei escreveu:
    Rodrigo Reges escreveu:Sinceramente...

    Se minha esposa não fosse tão apegada aos pais...

    Eu iria tranquilamente.

    http://canaldointercambio.com/2016/01/vagas-para-trabalhar-no-canada-atraves-do-programa-federal/
    Meu sonho também é ir morar ou no Canadá ou nos EUA...eu e um amigo, estamos cada vez mais interessados nisso. Aqui no BR nada funciona como deveria, tudo é caro! Nosso hobby (que nos EUA ou no Canadá qualquer pessoa tem acesso mesmo trabalhando em empregos SIMPLES) está cada vez mais caro. Carro aqui é um ABSURDO (Fox custando quase 50 mil reais, não que seja um carro ruim, mais tá caro demais para o que oferece), apartamento que mais parece uma caixa de fosforo custando 180 mil reais...fora o pensamento da população daqui de "levar vantagem a todo o custo". Eu acho que se eu for para EUA ou Canadá só volto aqui para visitar meus pais...
    Se eu achar uma caixa de fósforo aqui por 180 eu compro na hora. Não to achando por menos de 210, e olha que já caiu muito em relação a 2013/2014.
    Pois é...ai vc olha o tamanho do apartamento e chora...sério todos que vi nessa faixa de preço são pequenos d+++.
    To ligado! Depois daquela farra de empréstimos com subsídio da Caixa, os imóveis aumentaram até 6x o valor.

    Agora tem um monte de gente devolvendo imóvel, monte de prédio novo encalhado. O preço começou a cair, mas não tem como voltar ao preço anterior.

    Mas se alguém conseguir empréstimo com juros de 7%, acho uma boa, vai pagar uma parcelinha que vai significar nada depois que a inflação desvalorizar ainda mais o nosso dinheiro.
    avatar
    Hawk 666

    Mensagens : 507
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Hawk 666 em Seg 25 Jan 2016, 19:44

    Esse país é uma merda, agora digo com propriedade.

    A começar pelo ensino básico, onde aprendemos por mais de uma década conceitos que nunca vamos utilizar na vida (óbvio, depende de que área o indivíduo quer seguir, mas mesmo assim, pelo menos metade do conteúdo que socam na nossa cabeça é dispensável), avaliados por testes arcáicos como provas e seminários, que incentivam a decoreba, e não a absorção dos assuntos tratados.

    Segue no vestibular, é a mesma porcaria. Você quer fazer jornalismo (meu caso), mas precisa decorar uma tonelada de merda que nunca vai precisar na vida pra passar.

    Dentro da faculdade pública: a UNESP, dita como uma das melhores de São Paulo, é precária e vergonhosa. Falta recurso pra tudo, o que mais tem é professor substituto, isso quando tem, e os titulares são meia dúzia de vagabundos, que ganham em média 20 pau e se acham no direito de fazer greve, no único intuito de viajar pra europa (aka férias forçadas). As avaliações, como sempre, jurássicas (prova e seminário). Ah sim, enchem o curso de linguiça, com um monte de sociologia enrustida. Depois petista fala que não existe doutrinação e chamam quem fala isso de coxinha.

    Segue no mercado de trabalho. O Brasil é um dos únicos países do mundo onde o diploma é porta de entrada para um emprego bom, ao invés de ter validade 100% acadêmica (só conheço outro assim: Japão...mas o "emprego bom" de lá é só trabalhar em escritório, pois o salário é o mesmo pra todo mundo). E mesmo formado, conseguir um emprego é um parto. Você quase nunca é contratado por sua capacidade, é sempre por Quem Indica (QI). Você vai se cansar de perder vaga pra zé buceta formado em uniesquina e uniestrada que sabe porra nenhuma de nada, porque é amiguinho do gerente. Fora quando você perde vaga por causa de testezinho bosta e nada a ver de RH (fazer risquinho no papel, ao invés de mostrar a porra da tua capacidade dentro da tua área), ou por IDADE...e nem é idade tipo, acima dos 65 anos e tal... é idade do tipo "até os 21 anos". Mano...

    Tá, empregado. As empresas são todas erradas. Primeiro: A maioria agora funciona com banco de horas, ao invés de hora extra. Beleza, mas...cada hora que você fica a mais, é uma hora, e não uma hora +30%, como deveria ser. Fora que em muitas empresas, você não escolhe quando quer folgar, e dependendo do trampo, você trabalha em dobro quando alguém do seu setor tira. Ou seja: trabalho escravo. Os salários, além de merda, te fazem trabalhar agora 44 horas por dia, ao contrário das clássicas 8 horas de segunda a sexta. Ou você fica até tarde todo dia, ou trampa de sábado. Aí criam uma falsa hierarquia entre cargos que nem deveriam ser assim, com o intuito que não vejo outro se não desmotivar quem está na base da pirâmide. (novamente cito o Japão, onde a filosofia deles é de que todos os cargos funcionam como peças de uma grande máquina...se uma peça parar, tudo para, então por isso todos ganham a mesma coisa, e todos são tratados da mesma forma).

    Aí você soma com esse povo burro, corrupto e passivo, e tem um dos piores lugares para se viver. Eu tô caindo fora. Vou só pegar essa merda de diploma lixo da unesp que vale porra alguma além de cela especial se eu for preso, e partiu Canadá.



    avatar
    Jeremias

    Mensagens : 4563
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 26

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Jeremias em Seg 25 Jan 2016, 19:59

    É isso que eu to falando, tem MUITA indoctrinação, demais, na cara dura.

    E nem é exclusivo de universidade pública, vejam o ultimo ENEM por exemplo... Simone de Beauvoir cara, não tem nem como inventar essas coisas, da nem pra acreditar...


    _________________
    Movi os top 10 pra cá: http://pastebin.com/raw/r9NSSXXr
    Tem Mario Maker? http://pastebin.com/raw/MgfZJ3FF
    avatar
    André ► ❻ ◄

    Mensagens : 1774
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por André ► ❻ ◄ em Seg 25 Jan 2016, 22:46

    Apartamento virou artigo de luxo. Meu irmão comprou um apartamento com uma sala que nem é muito grande e 2 quartos por 700 mil. Absurdo velhos.
    avatar
    André ► ❻ ◄

    Mensagens : 1774
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por André ► ❻ ◄ em Seg 25 Jan 2016, 22:48

    Hawk 666 escreveu:Esse país é uma merda, agora digo com propriedade.

    A começar pelo ensino básico, onde aprendemos por mais de uma década conceitos que nunca vamos utilizar na vida (óbvio, depende de que área o indivíduo quer seguir, mas mesmo assim, pelo menos metade do conteúdo que socam na nossa cabeça é dispensável), avaliados por testes arcáicos como provas e seminários, que incentivam a decoreba, e não a absorção dos assuntos tratados.

    Segue no vestibular, é a mesma porcaria. Você quer fazer jornalismo (meu caso), mas precisa decorar uma tonelada de merda que nunca vai precisar na vida pra passar.

    Dentro da faculdade pública: a UNESP, dita como uma das melhores de São Paulo, é precária e vergonhosa. Falta recurso pra tudo, o que mais tem é professor substituto, isso quando tem, e os titulares são meia dúzia de vagabundos, que ganham em média 20 pau e se acham no direito de fazer greve, no único intuito de viajar pra europa (aka férias forçadas). As avaliações, como sempre, jurássicas (prova e seminário). Ah sim, enchem o curso de linguiça, com um monte de sociologia enrustida. Depois petista fala que não existe doutrinação e chamam quem fala isso de coxinha.

    Segue no mercado de trabalho. O Brasil é um dos únicos países do mundo onde o diploma é porta de entrada para um emprego bom, ao invés de ter validade 100% acadêmica (só conheço outro assim: Japão...mas o "emprego bom" de lá é só trabalhar em escritório, pois o salário é o mesmo pra todo mundo). E mesmo formado, conseguir um emprego é um parto. Você quase nunca é contratado por sua capacidade, é sempre por Quem Indica (QI). Você vai se cansar de perder vaga pra zé buceta formado em uniesquina e uniestrada que sabe porra nenhuma de nada, porque é amiguinho do gerente. Fora quando você perde vaga por causa de testezinho bosta e nada a ver de RH (fazer risquinho no papel, ao invés de mostrar a porra da tua capacidade dentro da tua área), ou por IDADE...e nem é idade tipo, acima dos 65 anos e tal... é idade do tipo "até os 21 anos". Mano...

    Tá, empregado. As empresas são todas erradas. Primeiro: A maioria agora funciona com banco de horas, ao invés de hora extra. Beleza, mas...cada hora que você fica a mais, é uma hora, e não uma hora +30%, como deveria ser. Fora que em muitas empresas, você não escolhe quando quer folgar, e dependendo do trampo, você trabalha em dobro quando alguém do seu setor tira. Ou seja: trabalho escravo. Os salários, além de merda, te fazem trabalhar agora 44 horas por dia, ao contrário das clássicas 8 horas de segunda a sexta. Ou você fica até tarde todo dia, ou trampa de sábado. Aí criam uma falsa hierarquia entre cargos que nem deveriam ser assim, com o intuito que não vejo outro se não desmotivar quem está na base da pirâmide. (novamente cito o Japão, onde a filosofia deles é de que todos os cargos funcionam como peças de uma grande máquina...se uma peça parar, tudo para, então por isso todos ganham a mesma coisa, e todos são tratados da mesma forma).

    Aí você soma com esse povo burro, corrupto e passivo, e tem um dos piores lugares para se viver. Eu tô caindo fora. Vou só pegar essa merda de diploma lixo da unesp que vale porra alguma além de cela especial se eu for preso, e partiu Canadá.



    No Japão um médico ganha o mesmo que um faxineiro?
    avatar
    Santiago Oliveira

    Mensagens : 417
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Santiago Oliveira em Ter 26 Jan 2016, 00:07

    Sendo brincadeira ou não, senti que perdi meu tempo ao participar do tópico quando o autor escreveu aquele monte de besteiras.

    Aos outros recomendo a leitura de 'Como ser um Conservador', do Roger Scruton.
    avatar
    Cat Sensei

    Mensagens : 1660
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Cat Sensei em Ter 26 Jan 2016, 00:32

    Hawk 666 escreveu:Esse país é uma merda, agora digo com propriedade.

    A começar pelo ensino básico, onde aprendemos por mais de uma década conceitos que nunca vamos utilizar na vida (óbvio, depende de que área o indivíduo quer seguir, mas mesmo assim, pelo menos metade do conteúdo que socam na nossa cabeça é dispensável), avaliados por testes arcáicos como provas e seminários, que incentivam a decoreba, e não a absorção dos assuntos tratados.

    Segue no vestibular, é a mesma porcaria. Você quer fazer jornalismo (meu caso), mas precisa decorar uma tonelada de merda que nunca vai precisar na vida pra passar.

    Dentro da faculdade pública: a UNESP, dita como uma das melhores de São Paulo, é precária e vergonhosa. Falta recurso pra tudo, o que mais tem é professor substituto, isso quando tem, e os titulares são meia dúzia de vagabundos, que ganham em média 20 pau e se acham no direito de fazer greve, no único intuito de viajar pra europa (aka férias forçadas). As avaliações, como sempre, jurássicas (prova e seminário). Ah sim, enchem o curso de linguiça, com um monte de sociologia enrustida. Depois petista fala que não existe doutrinação e chamam quem fala isso de coxinha.

    Segue no mercado de trabalho. O Brasil é um dos únicos países do mundo onde o diploma é porta de entrada para um emprego bom, ao invés de ter validade 100% acadêmica (só conheço outro assim: Japão...mas o "emprego bom" de lá é só trabalhar em escritório, pois o salário é o mesmo pra todo mundo). E mesmo formado, conseguir um emprego é um parto. Você quase nunca é contratado por sua capacidade, é sempre por Quem Indica (QI). Você vai se cansar de perder vaga pra zé buceta formado em uniesquina e uniestrada que sabe porra nenhuma de nada, porque é amiguinho do gerente. Fora quando você perde vaga por causa de testezinho bosta e nada a ver de RH (fazer risquinho no papel, ao invés de mostrar a porra da tua capacidade dentro da tua área), ou por IDADE...e nem é idade tipo, acima dos 65 anos e tal... é idade do tipo "até os 21 anos". Mano...

    Tá, empregado. As empresas são todas erradas. Primeiro: A maioria agora funciona com banco de horas, ao invés de hora extra. Beleza, mas...cada hora que você fica a mais, é uma hora, e não uma hora +30%, como deveria ser. Fora que em muitas empresas, você não escolhe quando quer folgar, e dependendo do trampo, você trabalha em dobro quando alguém do seu setor tira. Ou seja: trabalho escravo. Os salários, além de merda, te fazem trabalhar agora 44 horas por dia, ao contrário das clássicas 8 horas de segunda a sexta. Ou você fica até tarde todo dia, ou trampa de sábado. Aí criam uma falsa hierarquia entre cargos que nem deveriam ser assim, com o intuito que não vejo outro se não desmotivar quem está na base da pirâmide. (novamente cito o Japão, onde a filosofia deles é de que todos os cargos funcionam como peças de uma grande máquina...se uma peça parar, tudo para, então por isso todos ganham a mesma coisa, e todos são tratados da mesma forma).

    Aí você soma com esse povo burro, corrupto e passivo, e tem um dos piores lugares para se viver. Eu tô caindo fora. Vou só pegar essa merda de diploma lixo da unesp que vale porra alguma além de cela especial se eu for preso, e partiu Canadá.



    Concordo d+++, com vc, minha professora da faculdade ficou nervosa quando comentei isso...socam uma caralhada de coisa inútil na grade e deixam de fora MUITA coisa da área que vc está cursando! Aqui somos obrigados a fazer um trabalho interdisciplinar por semestre e depois apresentar em uma feira da faculdade (que literalmente não ajuda em PORRA NENHUMA o crescimento profissional)...enquanto isso só na minha cidade existem mais de 15 eventos ligados a minha área e a faculdade não participa de NENHUM.

    Em empresa grande vc tem que ter sorte de não concorrer com nenhum "apadrinhado" (e rezar para passar nos exames loucos do RH). Já dentro da empresa vc sofre com as regras totalmente arbitrarias e sem aparo legal...ou vc se sujeita a isso ou rua. Estou para ver uma empresa que realmente respeita as leis trabalhistas. Querem que vc trabalhe, mais acham absurdo vc querer receber O CERTO por isso. Essa "politica" escrota está tão enraizada, que até mesmo funcionários "que sofrem como vc" acham absurdo vc reclamar pelo seus direitos. Já zeraram banco de horas meu que tinha mais de 300 horas extras e PASMEM...EU FIQUEI DEVENDO HORAS PARA EMPRESA, queriam que eu trabalhasse para pagar saldo negativo (Sábado e Domingo) que surgiu DO NADA e quando eu falava nas minhas horas extras antigas, mandavam eu esquecer que aquilo era passado e era antes da empresa completar a fusão.
    avatar
    shavasko

    Mensagens : 1297
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 32
    Localização : Ilha Solteira SP

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por shavasko em Ter 26 Jan 2016, 00:33

    André ► ❻ ◄ escreveu:
    Hawk 666 escreveu: (novamente cito o Japão, onde a filosofia deles é de que todos os cargos funcionam como peças de uma grande máquina...se uma peça parar, tudo para, então por isso todos ganham a mesma coisa, e todos são tratados da mesma forma).
    No Japão um médico ganha o mesmo que um faxineiro?

    pouca coisa a mais, em torno de 50%
    é por isso que nas escolas vc aprende a fazer faxina, culinária e manutenção

    os ricos de lá são apenas alguns poucos empreendedores, que pra manterem acima da média, trabalham ou arriscam muito em inovação porque vivem sendo massacrados pela constante concorrencia.

    eu sei, pq uma irmã do meu padrasto morou lá e me contou muito a respeito
    avatar
    shavasko

    Mensagens : 1297
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 32
    Localização : Ilha Solteira SP

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por shavasko em Ter 26 Jan 2016, 01:12

    Hawk 666 escreveu:Esse país é uma merda, agora digo com propriedade.

    A começar pelo ensino básico, onde aprendemos por mais de uma década conceitos que nunca vamos utilizar na vida (óbvio, depende de que área o indivíduo quer seguir, mas mesmo assim, pelo menos metade do conteúdo que socam na nossa cabeça é dispensável), avaliados por testes arcáicos como provas e seminários, que incentivam a decoreba, e não a absorção dos assuntos tratados.

    Segue no vestibular, é a mesma porcaria. Você quer fazer jornalismo (meu caso), mas precisa decorar uma tonelada de merda que nunca vai precisar na vida pra passar.

    Dentro da faculdade pública: a UNESP, dita como uma das melhores de São Paulo, é precária e vergonhosa. Falta recurso pra tudo, o que mais tem é professor substituto, isso quando tem, e os titulares são meia dúzia de vagabundos, que ganham em média 20 pau e se acham no direito de fazer greve, no único intuito de viajar pra europa (aka férias forçadas). As avaliações, como sempre, jurássicas (prova e seminário). Ah sim, enchem o curso de linguiça, com um monte de sociologia enrustida. Depois petista fala que não existe doutrinação e chamam quem fala isso de coxinha.

    Segue no mercado de trabalho. O Brasil é um dos únicos países do mundo onde o diploma é porta de entrada para um emprego bom, ao invés de ter validade 100% acadêmica (só conheço outro assim: Japão...mas o "emprego bom" de lá é só trabalhar em escritório, pois o salário é o mesmo pra todo mundo). E mesmo formado, conseguir um emprego é um parto. Você quase nunca é contratado por sua capacidade, é sempre por Quem Indica (QI). Você vai se cansar de perder vaga pra zé buceta formado em uniesquina e uniestrada que sabe porra nenhuma de nada, porque é amiguinho do gerente. Fora quando você perde vaga por causa de testezinho bosta e nada a ver de RH (fazer risquinho no papel, ao invés de mostrar a porra da tua capacidade dentro da tua área), ou por IDADE...e nem é idade tipo, acima dos 65 anos e tal... é idade do tipo "até os 21 anos". Mano...

    Tá, empregado. As empresas são todas erradas. Primeiro: A maioria agora funciona com banco de horas, ao invés de hora extra. Beleza, mas...cada hora que você fica a mais, é uma hora, e não uma hora +30%, como deveria ser. Fora que em muitas empresas, você não escolhe quando quer folgar, e dependendo do trampo, você trabalha em dobro quando alguém do seu setor tira. Ou seja: trabalho escravo. Os salários, além de merda, te fazem trabalhar agora 44 horas por dia, ao contrário das clássicas 8 horas de segunda a sexta. Ou você fica até tarde todo dia, ou trampa de sábado. Aí criam uma falsa hierarquia entre cargos que nem deveriam ser assim, com o intuito que não vejo outro se não desmotivar quem está na base da pirâmide. (novamente cito o Japão, onde a filosofia deles é de que todos os cargos funcionam como peças de uma grande máquina...se uma peça parar, tudo para, então por isso todos ganham a mesma coisa, e todos são tratados da mesma forma).

    Aí você soma com esse povo burro, corrupto e passivo, e tem um dos piores lugares para se viver. Eu tô caindo fora. Vou só pegar essa merda de diploma lixo da unesp que vale porra alguma além de cela especial se eu for preso, e partiu Canadá.




    gente, eu não queria falar sobre politica ou sociologia. Eu vim aqui pra tentar dar um bom exemplo, que é algo completamente contrário a esses excessos de lamentações.

    eu to falando sobre circunstancias que a vida nos coloca e que não devemos nos dar por derrotados, e vcs estão entrando no jogo politico e virando massa de manobra.

    Não se alienem achando que o ESTADO tem que fazer alguma coisa por você. É fato que 2/3 de tudo o que vc produz vai pra eles e vc, ninguém ou nem todo mundo junto terá um saldo positivo de serviços prestados a troco do que se dá em troca... Nem mesmo regiões pobres que quase nada contribui com o PIB como o Nordeste ou regiões muito ricas que contribuem 11% do PIB como São Paulo... Enfim, parém de acreditar que o ESTADO TEM ALGUM DEVER com vcs.

    Vc nasceu no Brasil, desde que vc entende por gente te tomam 2/3 do que vc ou seus pais produzem, assim como gradativamente de gerações anteriores eram coercivamente confiscados do Estado. Mas na mesma linha, o próprio CAPITALISMO cedeu beldades a preços justos pra vcs hoje. Há 10 anos atrás vc nunca poderia imaginar que teria um SMARTPHONE que faz tanta coisa, e com menos grana na carteira vc pode comprar, e esses preços tendem a baixar pq o mercado produz essas maravilhas tecnologicas cada vez melhores e barateiam.

    Então o acesso a tecnologia, qualidade de vida, e tudo mais já vem da natureza do quase-livre mercado.

    Entenda, por mais que exista um sistema IMORAL tomando de vc, te tornando mais pobre, o capitalismo te entrega os melhores produtos compativeis com o seu sub-consumo.

    Não é possível que mesmo assim o mundo seja tão injusto contigo a ponto de te deixar abatido e infeliz com a circunstancia.

    ok! Vamos por partes.

    Doutrinação ideológica no ensino básico e superior:
    De vez enquando vc vai ver algumas aberrações, digo, nada do que algum professor falar de politica pode ser tão inerte a qual a era da comunicação não vai desmentir rapidamente.
    São poucos professores e são poucos momentos que eles chegam a ser anti-eticos pra falar disso. Eu tive mais professores ESQUERDISTAS a DIREITA CONSERVADORA, mas tive.

    Nenhum deles dedicou sua vida academica a escapar da sua programação curricular pra martelar idéias marxistas. Eu mesmo tive um professor de história que criticou muito o próprio Karl Marx durante as aulas, mas assim fez como fez, eles foi imparcial ao falar das 2ªGM, das Guerras Médicas, Guerra dos 100 anos, Guerra do Peloponeso, Guerra dos Farrapos, Guerra Fria, Era Medieval, Era Vitoriana, Revolução industrial, etc.

    os professores em sua grande maioria de HORAS.AULAS dedicavam a ensinar as ciências como bem podiam, era nobre, era legitimo e nada tenho a questionar, MUITO MENOS DESCARTAR.

    Eu não usei Literatura, não usei Filosofia, não usei Biologia, mas eramos 40 alunos dentro de uma sala e a ciencia em sua totalidade deveria ser democratica e atender as demandas de cada um dos nossos colegas, principalmente aqueles que SEQUER sabiam o que iam fazer da vida.

    Podia ter mais? Podia! Podia ser diferente? Podia
    Mas é melhor a EDUCAÇÃO a NÃO-ESCOLA.

    o ensino fundamental e médio precisam sim de uma revisão sobre conteúdo e método, precisa se livrar de questionamentos ideológicos, respeitar a fronteira da religião e quem sabe ensinar até mesmo um pouco de Ciências Juridicas, Culinária, Excell, Engenharia básica, manutenção de eletromecanica, economia, agropecuária, etc. Digo, só um pouquinho pro aluno ter o mínimo de noção, porque isso é bem vindo... mas enquanto não róla, o que já é ensinado é muito NOBRE e não devemos distorcer que é um lixo, só por ter um outro em um momento de "sem-noção".

    afinal, a juventude tem no mínimo 900 horas de aula por ano, não é possivel que cada um exposto a tanto tempo de aula, não veja uma bizarrice como doutrinação ideológica de esquerda, direita, religiosa, violência contra professor, entre outras bizarrices.

    Eu creio firmemente, que essas declarações são mero exagero.




    Sobre a formação profissional, existe de novo mutias lamentações a respeito.

    temos que lembrar de novo, o ESTADO não tem obrigação de te oferecer trabalho e nem de DEFENDER vc de não ter trabalho. O ESTADO no máximo desincentiva a iniciativa privada, mas antes disso, existem práticas obscuras em que o ESTADO maqueia a situação do mercado, inventando empréstimos, criando bolhas de investimentos nada saudáveis que só servem pra vc ter emprego numa ocasião que não deveria.

    Eu sou um profissional da area de infra-estrutura, com formação técnica privilegiada, e era pra eu tá fudido há muito tempo, e acho justo que eu me ferre para que esses plutocratas demoniacos da Oderbrecht, Camargo Correa, UTC, Andrade Gutierrez se lasquem e levem todos os politicos metidos nisso junto com eles [o que lamentamos é que só as construtoras caíram, e eu quero ver mais]

    O fato é, não adianta reclamar por vc ser um profissional num ramo saturado ou que se tornou saturado agora. Esse é o momento em que você tem que esperar um novo ciclo E SER FORTE pra se meter em novas oportunidades.

    O meu caso é esse, eu vejo mercado de GAMES no BRASIL, e eu vou lutar pra entrar nessa.
    O seu caso pode ser outro, quem sabe tu pode trabalhar em aplicativos que vão derrotar os correios como Shipfy ?




    Agora sobre processo seletivo das empresas

    Eu estaria numa situação um pouco melhor se tivesse mais influência. A empresa não tem obrigação de saber se vc é bom profissional ou se tem boa formação, FODA-SE O SEU DIPLOMA, e isso foi um trauma pra mim que já superei.

    A influencia é uma coisa q vc consegue puxando o saco, ou sendo bom e fazendo propagando NADA INVASIVA a respeito de si para que falem bem de vc até que as pessoas tenham compaixão pra te indicar quando estiver desempregado.

    Eu me considero BOM DE SERVIÇO, mas sou péssimo em ser influente, eu sou aquele tipo de sujeito que só vai ter um bom emprega quando tiver SOBRANDO VAGA.

    Eu só tenho uma chance de ser ESPETACULAR, que é trabalhando em programação de jogos, eu acredito nisso com todas as minhas forças, e é isso que cada um precisa buscar pra sobreviver e atingir um sucesso, e não ficar LAMENTANDO

    Não deixe fatores tão externos te rebaixar, te destruir.

    Seja positivo, otimista e descubra algo do qual vc sabe que é muito FODELÃO E CISUDO e seja patrão de si mesmo, mesmo sendo empregado o que nesse caso requer um desempenho pró-ativo, ou seja, SEJA GENEROSO e não tenha vaidades, sirva bem, mas muito bem, nem q vc fique doente de tão desgastado, não importa, uma hora vão te reconhecer e isso só é possível quando vc faz algo dentro do seu talento.
    avatar
    Wellington Kaiser

    Mensagens : 996
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 30

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Wellington Kaiser em Ter 26 Jan 2016, 15:00

    Muito bom seu último comentário Marcus. Assino em baixo!
    avatar
    André ► ❻ ◄

    Mensagens : 1774
    Data de inscrição : 30/06/2014

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por André ► ❻ ◄ em Ter 26 Jan 2016, 21:12

    shavasko escreveu:
    pouca coisa a mais, em torno de 50%
    é por isso que nas escolas vc aprende a fazer faxina, culinária e manutenção

    os ricos de lá são apenas alguns poucos empreendedores, que pra manterem acima da média, trabalham ou arriscam muito em inovação porque vivem sendo massacrados pela constante concorrencia.

    eu sei, pq uma irmã do meu padrasto morou lá e me contou muito a respeito
    Então é por isso que as ruas lá no Japão são todas limpinhas, sem nenhum papel de bala na rua. Aqui no Brasil lixo é rarissimo achar uma rua limpa. País vergonhoso.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [QUASE OFF] Correndo atrás de um sonho...

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 23 Nov 2017, 05:23