TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    shavasko
    shavasko

    Mensagens : 1297
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 34
    Localização : Ilha Solteira SP

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por shavasko em Dom 30 Nov 2014, 12:51

    não vamos ser egoístas e falar disso só pq o poder de compra e os impostos do brasileiro é cruel, mas de alguma maneira o preço é o que chega aos DEVELOPERs de videogames, então o assunto é somente o preço de distribuição... quanto as questões do preço de importação e varejo já é outra ossada... portanto reflexionemos:

    já são 10 anos e o mercado dos jogos continuam a vender a US$60,00 (no lançamento e o desconto proporcional em distribuição digital como na Steam)... como?

    se

    o preço do cinema aumenta

    o preço dos smartphones aumenta

    o preço do combustivel aumenta no mundo inteiro [e nossa gasolina ainda não vai pra R$3,50 que é o ideal, daí uma das razões da Petrobrás tá indo pro limbo]

    pq só os videogames continuam nos US$60,00?

    isso nos leva a seguinte questão => será que vão conseguir manter a qualidade dos jogos praticando o mesmo preço de 2 gen atrás? Hoje o nível de detalhes, de modelagem e de texturas é muito maior, se fosse só a iluminação e os efeitos de particulas, ia impactar bem menos no orçamento... mas não, os cross gen até faz sentido, mas os jogos only-nextgen já demandam orçamento bem maior, por mais que automatizem diversos elementos na construção do design de level, mas tudo tem um ponto de partida, equipes de programação e acabamento maiores, publicidade cada vez mais cara... 

    hoje em dia existem as pre-orders que encrencam DEVs em adiamentos, existem as DLCs/SeasonPass que é uma maneira de fragmentar o conteúdo pra recuperar custos e q vende pouco e ainda gera mimimi

    já tá mais do que provado que muita gente paga o preço que for pra jogar aquilo que quer, mesmo se for pra comprar um Wii, mas decepção com o jogo ninguém quer ter, ninguém quer jogo curto ou com trilhões de DLCs, ninguém quer ver seu jogo adiado pra 1 ano depois, muito menos quer ver sua empresa falir (já pensou se a Platinum morre?)

    enfim, não é todo mundo que dá conta do recado... uma coisa é vender a US$60,00 mas vender 5 milhões, que é raro.
    outra coisa é vender a US$60,00, o jogo ficar bom, mas o público ser pequeno e o jogo correr risco de dar prejuízo

    na minha singela opinião

    já deveriam começar a praticarem preço dignos pra jogos AAA, pra que não caiam no desespero de fazer pre-order e socar cronogramas enfadonhos no rabo dos DEVs, pra que não caiam na onda de lançarem DLCs que vendem pouco e assim tornando o conteúdo mais limitado ainda

    enfim... eu quando quero muito um certo jogo, eu sou capaz até de comprar um CONSOLE q eu não to nenhum pouco afim de comprar, assim como comprei o 32X pra jogar Knuckles Chaotix, Dreamcast pra jogar Sonic Adventures, Wii pra jogar as coisas da nintendo, DS pra jogar idem e vou comprar WiiU por causa de uns 10 jogos e o PS4 por causa somente do BLOODBORNE


    -----------------------------algumas observações:

    a pratica de DLC já é visto como obscura
    a pratica da pre-order já serve pra recuperar os juros e ainda por cima prende o cronograma
    a pratica da lançar um jogo inacabado já é cada vez mais comum

    se não aumentarem os preços dos jogos, a tendencia é só piorar



    sobre recuperar ou ganhar custo na distribuição digital:

    a relação VIDEOGAMES e VAREJISTA dura desde os tempos dos 8 bits
    vc não espera que isso vai mudar de uma hora pra outra, espera?

    a microsoft quando inventou o GAMES ON DEMAND foi super criticada, gerou uma puta polemica, e é um dos assuntos mais delicados do universo gamer..

    mas o preço reduzir já é uma tendencia, apenas vai demorar, mas não espere muita coisa no desconto, pois a matéria prima, transporte, contratos, e afins só depreciam uma fração. As distribuidoras ainda tem q pagar uma fração pra Microsoft, Sony e Nintendo pra lançar seus jogos em seus consoles. a STEAM consegue praticar ótimos preços pq ela reduz muito o preço pra publicar o jogo na plataforma dela, já q ela é uma empresa que nasceu do zero e precisa expandir muito mais rapidamente 




    adiar o lançamento implica em PAGAR FUNCIONÁRIO por mais tempo, isso aperta ainda mais o orçamento
    todo PREÇO sai de um CUSTO, e todo CUSTO sai de um INSUMO FIXO e INSUMO VARIÁVEL, e o insumo variável é a parte mais grossa do orçamento de um jogo/filme/discoMusica

    é sobre as empresas ter respeito com o consumidor... bom... temos 2 exemplos de empresas que tem sucesso demais, são elas Rockstar e Nintendo que consegue vender bem seus jogos por uma questão de base muito grande, e temos outro exemplo que é a Naughty Dog que tem lucros baixos e vive de "FAMA" pra fazer a imagem da SONY com GOTYs de jogos feito sob medida pra cair no gosto da crítica especializada hollywoodyana, assim como a maioria das DEVs da SONY que empreitaram essa guerrinha de gráficos+gotys contra a Microsoft [e no entanto a M$ cagou pra essa guerra e fez o dela, lucrando muito mais]...

    enfim, eu to falando de DEVs que precisam deslanchar, que precisam LUCRAR com seus jogos que não são GTA, CoD, Battlefield, Mario Kart.




    o sujeito quando QUER JOGAR, ele paga o preço que for

    BAYONETTA 2 vai provar mais uma vez aquilo q eu e o Shin dizia => jogos vendem consoles, e não consoles é q vendem jogos

    se vc é um jogador assíduo do CoD, vc vai pagar os US$80,00

    se amanhã sair um MARIO 3D novo, todo mundo aqui pagaria os US$80,00

    se sair um Dark Souls 3 a US$100,00, todo mundo aqui paga


    porra! eu consumi piratinha a gen pasada inteira... e nos ultimos 2 meses desembolsei R$600,00 em jogos sem chorar

    tem coisa q ninguém mede esforços pra fazer, o entretenimento eletronico mobiliza qualquer um, é pq o trem é bom! Quando vc quer jogar, vc paga! É SIMPLES!





    Qto as séries anuais (CoD, AC):

    pera lá, antes de mais nada => serie anual é o caralho, esses jogos são produzidos por equipes diferentes, todos eles tem o mesmo cronograma de jogos q a gente vê de 4 em 4 anos. Isso aqui não vem ao caso! Se adiarem Assassins Creed esse ano, ano que vem iriam encavalar esse AC com o AC do ano q vem... mesma coisa do CoD.

    isso entra na questão do regime de produção
    esses jogos são o carro chefe das DEVs, AC mantem a Ubi na situação privilegiada pra produzir coisas nobres, diferenciadas como Rayman, Trials, Far Cry, Child of Light, etc; mas até mesmo esses jogos precisam atender o lucro q se espera!



    Atender o consumidor é algo complexo:

    tem gente que quer o jogo anualmente
    tem gente que quer comprar o jogo no dia das crianças
    tem gente que quer o jogo com multplayer bombando e cheio de gente [o q por exemplo não acontece com SUNSET OVERDRIVE]
    tem gente que quer jogo de 50 horas de campanha

    e aí vem a questão, COMO ATENDER TODO MUNDO vendendo menos de 1milhão de um jogo a US$60,00, se é comprovado que todo consumidor PAGA O PREÇO q for pelo jogo chegando a comprar o console só pra jogar aquele jogo em si?


    se vc quer muito jogar um NOVO MARIO 3D e já tem um WiiU, eu aposto com vc q se lançarem esse jogo a US$100,00, tenho certeza q vc compra



    Sobre os jogos virem com problemas de lançamento:

    é um ciclo infeliz!

    a DEV orça e define um prazo e não conseguem cumprir pq o orçamento é estreito e o prazo é curto e aí entra uma série de demandas q eles tem q atender... algumas coisas dão errado no jogo, a mídia divulga os problemas, a imagem da série se perde [e pra qualquer coisa no mundo, construir uma imagem é muito difícil, mas destruir vc pode fazer em questão de segundos, vide a Coca-cola e o rato], o jogo perde ações, no ano que vem as condições são ainda mais duras, o jogo decepciona, vende menos, e assim vai... até q ela faça um milagre e consiga se recuperar tendo a decisão certa, q pode ser um sacrificio q compromete outros produtos tb

    vejamos, aí vc torce pra empresa falir, ela vai pra limbo... mas ela tinha na programação dela lançar um ONIMUSHA ainda melhor q os de PS2... e ae? Valeu a pena torcer pra ela se fuder?

    enfim, aumento de preço do jogo é uma solução



    sobre as gigantes DEV e suas franquias menos notórias:

    Child of Light sequer seria concebido se não fosse o carro chefe da Ubi
    vc tem q entender q empresas bem sucedidas pode se dar ao luxo de se arriscar quando outra parte dela vai bem.
    um exemplo disso é a empreitada da Microsoft no universo dos videogames, pois ela se garante na informatica

    a Ubi respeita o consumidor, mas ela não teve escolha com AC Unity
    a Microsoft respeito o consumidor, mas ela não teve escolha com HALO MCC
    a Sony respeita o consumidor, mas ela não teve escolha com Drive Club... hã? opa... pera aí... huueehueue // sério, o caso do DriveClub é uma questão da obsessão da guerra gráfica da Sony, aqui não tem o q discutir, é muito mais complexo

    é o mesmo que acontece na vida, tua mulher te ama, mas a partir do momento q vc não trabalhar e virar um vagabundo, e faltar dinheiro, ela mete o pé na sua bunda



    Mas se ficarem aumentando os preços dos jogos e consoles, eu vou pagar uma fortuna no futuro?

    quem sabe daqui 50 anos...
    inflação é algo que tem q acontecer

    se ninguém controla, o BEM em questão entra em crise

    e é essa a questão, VIDEOGAMES nunca inflacionam, por mais q tecnologias fiquem mais acessíveis, ainda tem coisas que lidam com INFRAESTRUTURA e GENTE, e ninguém quer REDUZIR seus salários, assim como ninguém vai pagar mais barato no CIMENTO


    bom... a industria dos videogame ainda busca diversas maneiras de se sustentar

    as de DLC, season pass e a distribuição digital => essas são 3

    mas será q elas são eficientes?


    façam o favor, joguem um pouco do Sunset Overdrive e do Infamous, e respondam pra si mesmo se esses jogos sairam mais barato que o primeiro Assassins Creed de US$60,00 

    mais pra frente a tendencia é o orçamento aumentar ainda mais, e o risco aumentar ainda mais

    SE Até Assassins Creed tropeçou, imagina então esses jogos de produtoras menores
    Vilela
    Vilela

    Mensagens : 2276
    Data de inscrição : 30/06/2014
    Idade : 36

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por Vilela em Dom 30 Nov 2014, 14:27

    shavasko escreveu:o sujeito quando QUER JOGAR, ele paga o preço que for

    BAYONETTA 2 vai provar mais uma vez aquilo q eu e o Shin dizia => jogos vendem consoles, e não consoles é q vendem jogos

    se vc é um jogador assíduo do CoD, vc vai pagar os US$80,00

    se amanhã sair um MARIO 3D novo, todo mundo aqui pagaria os US$80,00

    se sair um Dark Souls 3 a US$100,00, todo mundo aqui paga

    e aí vem a questão, COMO ATENDER TODO MUNDO vendendo menos de 1milhão de um jogo a US$60,00, se é comprovado que todo consumidor PAGA O PREÇO q for pelo jogo chegando a comprar o console só pra jogar aquele jogo em si?


    se vc quer muito jogar um NOVO MARIO 3D e já tem um WiiU, eu aposto com vc q se lançarem esse jogo a US$100,00, tenho certeza q vc compra

    Esse é vc, eu, mas 90% dos jogadores não é assim. E vão comprar menos jogos, vão migrar pro Free to play ou o q for. imagina IPs novas por 80 dólares, vai ser ainda pior do q tá.

    E mais, já aumentou 10 dólares da ultima vez, e de lá pra cá o mercado cresceu muito, tem muito mais gente jogando, o preço dos consoles diminuiu muito, os PCs ficaram mais acessiveis. É o mercado de entretenimento mais rico q existe. Aumentar o valor dos jogos mais lucrativos pra q? não faz sentido.

    O q tem q mudar é dev pequena querendo vender jogo igual blockbuster, torrando a merreca q tem em marketing e filminhos invés de arrebentar no jogo, com idéias inovadoras e gameplay ousado, coisa q jogos grandes e consagrados tem q se segurar pra não desapontar os fãs e os acionistas.
    coelho
    coelho

    Mensagens : 961
    Data de inscrição : 04/07/2014

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por coelho em Dom 30 Nov 2014, 14:46

    Existe um método extremamente simples de acabar DE VEZ com a industria do jogo semi-acabado, pretendo até fazer um artigo sobre isso, mas em suma, é: jogo veio cheio de bugs, online travado? DEVOLVA O JOGO E PEGUE SEU DINHEIRO DE VOLTA.
    Enquanto os gamers ficarem igual a paspalhos mantendo o jogo à espera do patch de correção EM VEZ DE PEGAR A GRANA DE VOLTA, as empresas continuarão enfiando a naba na bunda de geral.

    E sobre preço, eles que subam, porém não será uma medida muito inteligente, visando que a comunidade indie é forte e tem preços imbatíveis, no final das contas, o jogador pagaria mais PELOS GRÁFICOS, pois só os AAA teriam cacife para persuadir o comprador a pagar mais caro pela sua experiência top visual.
    rodrigolfp
    rodrigolfp

    Mensagens : 2457
    Data de inscrição : 30/06/2014

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por rodrigolfp em Dom 30 Nov 2014, 15:22

    tem q cobrar 80 dolares msm... ms só nos consoles pra acompanhar o preço do BR... steam e cia ninguém mexe continua 50 obamas e fim Xp
    Gustavo DEUSTENDO
    Gustavo DEUSTENDO

    Mensagens : 724
    Data de inscrição : 30/06/2014

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por Gustavo DEUSTENDO em Dom 30 Nov 2014, 15:24

    nem li

    mas isso tudo é pq falei em outro topico que o marcus não entende de economia ? kkkk
    Gustavo DEUSTENDO
    Gustavo DEUSTENDO

    Mensagens : 724
    Data de inscrição : 30/06/2014

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por Gustavo DEUSTENDO em Dom 30 Nov 2014, 15:56

    se o problema é achar uma solução pra industria se manter lucrativa, é simples

    PAREM DE FAZER JOGOS QUERENDO IMITAR FILMES, PAREM DE QUERER GRAFICOS MAIS REAIS QUE A REALIDADE, E PAREM E GASTAR TONELADAS EM MARKETING.

    Conteúdo patrocinado

    TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS Empty Re: TEORIA DOS PREÇOS DOS JOGOS

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab 24 Ago 2019, 00:34